Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Eu vou indo

Porque alguém tem de ser o primeiro a explorar, ver ou partir para se poder chegar, conhecer ou usufruir. Eu vou indo...

Eu vou indo

Porque alguém tem de ser o primeiro a explorar, ver ou partir para se poder chegar, conhecer ou usufruir. Eu vou indo...

Adeus moldura

A Xiaomi, uma das tecnológicas chinesas de maior êxito, apresentou uma verdadeira inovação no ramo dos smartphones, o Mi MIX. O novo modelo tem um ecrã sem rebordos laterais nem superiores, mantendo apenas a borda inferior e exibindo, assim, um generoso ecrã de 6,4 polegadas, num smartphone de tamanho equivalente a um aparelho de 5,5 polegadas. No seu interior, como não podia deixar de ser, as especificações são de topo.

MI MIX_2.png.jpg

Neste equipamento, para além das molduras laterais, o auricular e todos os outros sensores que habitualmente encontramos na frente de um telefone fazem parte do passado. Por exemplo, o auricular foi substituído por uma tecnologia acústica piezoelétrica que, através de vibrações, consegue converter sinais elétricos e, assim, emitir o som das chamadas.

A aposta na estética e no requinte foi imensa, com o smartphone a ser construído em cerâmica e sido integrados aros de ouro de 18 quilates em torno da câmara e do sensor de impressões digitais colocados na traseira do aparelho.

MI MIX_3.png.jpg 

O Mi Mix tem, no seu interior, características de topo de gama. Integra um processador quad-core Qualcomm Snapdragon 821 de 2,35 GHz e disponibiliza até 6GB de RAM, para além de uma capacidade de armazenamento interno até 256GB. A bateria tem uma capacidade de 4.400 mAh e suporta carregamento rápido. Quanto às câmaras, a traseira tem 16 MP e a frontal, colocada na borda inferior, tem 5 MP.